Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

CLIQUE NO G+1 E NO FACEBOOK PARA DIVULGAR O FÓRUM. Dê um Like!

Junho 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Calendário Calendário


F1 – Surpresa: Vettel e Ferrari derrotam as favoritas Mercedes na Malásia /F1 - Surprise: Vettel and Ferrari defeat the favorite Mercedes in Malaysia.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

F1 – Surpresa: Vettel e Ferrari derrotam as favoritas Mercedes na Malásia /F1 - Surprise: Vettel and Ferrari defeat the favorite Mercedes in Malaysia.

Mensagem por Marcelo Coração Valente em Dom Mar 29, 2015 1:50 pm

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Um resultado surpreendente marcou a segunda etapa da Fórmula 1 em 2015, em Sepang. As favoritas Mercedes ficaram para trás, e a vitória ficou com a Ferrari de Sebastian Vettel, que firmaram “casamento” neste ano.

Tanto equipe como piloto não venciam desde 2013. De fato, foi um triunfo estratégico: a Ferrari fez dois pits stops contra três dos rivais, já que não entrou na quinta volta, aproveitando a presença do Safety Car acionado pela rodada da Sauber de Marcus Ericsson. Assumia ali a liderança pela primeira vez e na maior parte da prova.

Lewis Hamilton largou na pole position e parecia que seguiria para uma vitória sossegada. O atual campeão manteve a liderança após a largada, seguido por Vettel e Nico Rosberg. Chegou a recuperar a ponta por algumas voltas, em alguns momentos diminuía a diferença para Vettel, mas acabou mesmo em segundo.

As paradas de Hamilton foram na quinta, 25º e 39ª das 56 voltas, colocando respectivamente pneus duros, médios e duros novamente. Nesta última ele esbravejou com a Mercedes via rádio, já que esperava calçar compostos médios nas voltas finais para tentar alcançar a Ferrari.

Vettel parou na 18ª e na 38ª volta, sendo que apenas na última colocou pneus duros. Somente até a quinta e entre a 18ª e a 25ª volta perdeu a liderança para Hamilton, que por outro lado ainda lidera o campeonato, três pontos na frente da Ferrari.

A outra Mercedes esteve longe da briga pela vitória. Nico Rosberg completou o pódio em terceiro, tendo feito também três pit stops, na quinta, 27ª e 42 volta: colocou pneus duros nas duas primeiras e médios na última.

Mostrando o ótimo momento da Ferrari, Kimi Raikkonen chegou na quarta posição. O finlandês teve um pneu furado após um toque com Felipe Nasr (Sauber) na primeira volta, perdeu muito tempo, mas foi favorecido com a intervenção do Safety Car e voltou para a briga, galgando posições na pista e nos boxes.

Felipe Massa chegou na sexta posição, tendo sido ultrapassado pelo companheiro de Williams, Valtteri Bottas, na penúltima volta. O brasileiro pulou de sétimo para quinto na largada, acompanhou as Mercedes e Daniel Ricciardo nos boxes, e ultrapassou a Red Bull na pista. Também fez três paradas, sendo que saiu de pneus duros na última.

A Toro Rosso superou a equipe principal e colocou seus dois pilotos estreantes na sétima e na oitava posição, com Max Verstappen na frente de Carlos Sainz Jr. Kvyat foi nono com sua Red Bull, à frente de Ricciardo, que era quarto no começo da prova mas foi perdendo terreno.

Nasr acabou em 12º, sem repetir a mesma performance da Austrália. As Force Indias, que chegaram a se posicionar na frente de Hamilton no começo da prova, receberam punições por toques de Nico Hulkenberg em Kvyat e de Sergio Perez em Romain Grosjean (Lotus).

As McLarens de Fernando Alonso e Jenson Button abandonaram com problemas mecânicos, respectivamente na 22ª e na 43ª volta. Pastor Maldonado (Lotus), outro que teve pneu furado no começo da prova, parou na 49ª.

A terceira etapa acontece dentro de duas semanas, no dia 12 de abril, em Xangai (China).


A surprising result marked the second stage of Formula 1 in 2015 in Sepang. The Mercedes favorite left behind, and the victory was with Ferrari Sebastian Vettel, who signed "marriage" this year.

Both team as pilot not earned since 2013. Indeed, it was a strategic victory: Ferrari made two stops pits against three rivals, since not entered the fifth lap, taking advantage of the presence of the safety car driven by round Sauber Marcus Ericsson . There took the lead for the first time and most of the race.

Lewis Hamilton started on pole position and it seemed to follow a quiet victory. Defending champion held the lead after the start, followed by Vettel and Nico Rosberg. Came to retrieve the tip for a few laps, sometimes decreased the gap to Vettel, but eventually even second.

The stops were Hamilton on Thursday, 25 and 39th of 56 laps, respectively putting hard tires, medium and hard again. In the latter he shouted with Mercedes radio, as expected wear medium compound in the final laps to try to reach the Ferrari.

Vettel stopped at the 18th and 38th round, and only in the last put hard tires. Only until the fifth and between the 18th and the 25th round lost the lead to Hamilton, on the other hand still leads the championship, three points ahead of Ferrari.

The other Mercedes was far from the fight for victory. Nico Rosberg completed the podium in third, having also made three pit stops in the fifth, 27th and 42 back: put hard tires in the first two and the last average.

Showing great time Ferrari's Kimi Raikkonen came in fourth. The Finn had a flat tire after a touch with Felipe Nasr (Sauber) in the first round, lost a long time, but was favored with the intervention of the Safety Car and returned to the fray, climbing positions on the track and in the pits.

Felipe Massa came in sixth place, having been overtaken by Williams-mate Valtteri Bottas, on the penultimate lap. The Brazilian jumped from seventh to fifth at the start, followed the Mercedes and Daniel Ricciardo in the pits, and overtook Red Bull on track. He also made three stops, and went out of hard tires last.

Toro Rosso surpassed the first team and put his two rookies pilots in the seventh and eighth, with Max Verstappen in front of Carlos Sainz Jr. Kvyat was ninth for Red Bull, ahead of Ricciardo, who was fourth at the start of the race but was losing ground.

Nasr ended in 12, without repeating the same performance in Australia. The Force Indias, which came to stand in front of Hamilton on the race start, received punishments by touches of Nico Hulkenberg in Kvyat and Sergio Perez in Romain Grosjean (Lotus).

The McLarens of Fernando Alonso and Jenson Button went out with mechanical problems, respectively at the 22nd and 43rd lap. Pastor Maldonado (Lotus), another had a flat tire on the race start, stopped in the 49th.

The third stage takes place within two weeks, on 12 April in Shanghai (China).
avatar
Marcelo Coração Valente
Administrador
Administrador

Mensagens : 134
Data de inscrição : 25/04/2014
Idade : 43
Localização : Rio de Janeiro /Brasil

http://automobilismo.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum